06 junho 2006

GUITARRISTA DO DETONAUTAS: O QUE ELE DISSE 1 DIA ANTES DE MORRER

.

Há quem veja isso como uma forma de premonição: Um dia antes do episódio que lhe tirou a vida, Rodrigo Neto, guitarrista do grupo Detonautas, estava em Brasília, onde o grupo participava do Porão do Rock. Deu entrevista e disse não acreditar em bala perdida. Achava que cada bala tinha um destino certo...

"Em uma das últimas entrevistas concedidas em Brasília após a apresentação do Detonautas Roque Clube, sábado, no Porão do Rock, no estacionamento do Estádio Mané Garrincha, Rodrigo Netto disse algo como se não existisse bala perdida, mas sim um destino certo para cada projétil. Parecia prever a trajetória ao menos de uma delas, a que o atingiu na noite seguinte e o matou violentamente horas após a apresentação na capital, quando o Detonautas Roque Clube embalou o público adolescente com hits como Em outro lugar e Quando o sol se for..."

Clique aqui para ler matéria do Jornal Correio Braziliense.
.

Nenhum comentário: