15 janeiro 2011

RAPIDINHAS DA SEMANA

Finalmente, estão disponíveis as imagens da primeira parte da viagem do Nelson e Antonio Carlos (ACM) a Ushuaia, no final de 2010, com direito a uma linda trilha musical (vídeo abaixo). Valeu, Nelson!

Em Lins, hoje é dia de festa. Nosso glorioso Linense recebe o Santos Futebol Clube, às 19h30, na estreia do campeonato paulista 2011. Transmissão pela SporTV e pela Rádio Alvorada.

Por falar em futebol, tem gente que não se corrige. Esse tal de Felipe Melo, que mostrou seu grau de periculosidade no mundial da África do Sul, quando prejudicou a Seleção Brasileira por ser expulso em jogo decisivo, volta a prejudicar seu clube, o Juventus da Itália, pelo mesmo motivo: agressividade antiesportiva. No último dia 6, contra o Parma, foi de sola no rosto de Paci e ganhou o vermelho. Confira no vídeo.

A um preço altíssimo, estamos aprendendo mais um pouco sobre ocupação do solo, urbanização e políticas públicas de prevenção. A tragédia da Serra, no Rio de Janeiro, é uma triste lição, que já entrou na história dos 10 maiores deslizamentos do mundo.

Um amigo, que é famoso pela acidez de sua ironia, tem  o hábito de procurar estranhas explicações para os acontecimentos. Segundo ele, muitos desmoronamentos e terremotos são causados por pessoas que têm mania de reforma. Sim, essas pessoas que adoram reformar suas casas ou apartamentos, mesmo quando isso não é necessário. Algumas reformas, de fato, parecem abalar a superfície da Terra. Uma reforma em andamento na minha rua talvez pudesse, sim, provocar fendas nas placas tectônicas e rachaduras em montanhas, tal a dimensão da quebradeira e dos impactos dentro do imóvel. A mania de reforma está sendo estudada para constar do CID, o código internacional de doenças. Existem pessoas que compram uma casa ou ap. apenas para desfazer e refazer sucessivamente, sem jamais morar, alugar ou vender. O prazer é quebrar e reformar. São reformas tão grandes e demoradas que, quando terminam, já são projetos ultrapassados. Então, é hora de começar outra reforma. Sei de uma casa que teve o piso trocado 479 vezes. Em outra, também em processo de reforma crônica, foram feitos mais de 2 milhões de furos nas paredes (não se sabe exatamente o que o proprietário pretende pendurar nas paredes). Em outra, no mesmo bairro, estão removendo entulho há três anos. Suspeita-se que estejam cavando um túnel que sairá no subsolo da Casa Branca...

Brincadeiras à parte, não há como entender a tragédia da região serrana do Rio sem pensar no desrespeito humano ao ecossistema e na histórica devastação de 93% da Mata Atlântica...

Por último, para elevar o espírito, refinar a sensibilidade, relembrar um grande momento e alegrar o final de semana, um clipe para colecionadores: My sweet Lord, executada por um grupo de músicos excepcionais, no show em homenagem a George Harrison, dois anos depois de sua morte. O evento foi em Londres, em novembro de 2002. Vocal: Billy Preston, guitarra acústica: Eric Clapton, guitarra elétrica: o filho de George, piano e guitarra: Paul McCartney, primeira bateria: Ringo Star, segunda bateria: Phill Collins, segunda guitarra elétrica: Tom Petty. Entre as vocalistas do coro está Linda Eastman, esposa de Paul. Billy é conhecido como o quinto Beatle, pois foi quem sempre esteve ao piano ou órgão nas gravações do grupo. Agradeço ao Constantino Pinheiro pela dica e informações.



Nenhum comentário: