24 novembro 2010

RAPIDINHAS DA SEMANA

Para não ficar muito tempo ausente, antecipo um pouco as nossas Rapidinhas da semana.

Em primeiro lugar, parabéns a dois aniversariantes desta semana: Leidiane (Milady), que manda agradecer as manifestações de carinho que recebeu, e meu mano Isaac Renato, que neste ano dispensou comemorações em razão de problemas de doença na família...



Da Patagônia chegam notícias dos amigos que estão na estrada há mais de um  mês, com duas motos a caminho de Ushuaia. Nelson informa que chegou ao destino final domingo, dia 21. Antonio Carlos chegou bem perto, mas uma lesão no pé o obrigou a interromper a viagem quando estava na "reta final". Continua no Chile, cuidando da lesão. Parabéns a ambos pela persistência e pelo êxito na superação de tantos desafios que fazem parte dessa bela aventura.

Você já viu um Beatle? Eu não vi, mas quem foi ao show do Paul McCartney em São Paulo garante que valeu a pena. Arthur Pedreira me diz que foi impecável sob todos os aspectos e valeu cada centavo, mesmo debaixo de chuva (foto abaixo).


Arthur e Raquel




Paul McCartney em trecho de show antológico em Londres (2002) 
Para encerrar, uma historinha engraçada e instrutiva, muito útil aos que são chegados no chope ou no drink. Lembre-se dessa historinha no seu próximo happy hour:
Você vai ao bar e bebe uma cerveja.
Bebe a segunda cerveja. A terceira e assim por diante.

O teu estomago manda uma mensagem pro teu cérebro dizendo "Caracas véio... o cara tá bebendo muito liquido, tô cheião!"
Teu estômago e teu cérebro não distinguem que tipo de liquido está sendo ingerido, ele sabe apenas que é líquido.
Quando o cérebro recebe essa mensagem ele diz: "Caracas, o cara tá maluco!"

E manda a seguinte mensagem para os Rins "Meu, filtra o máximo de sangue que tu puderes, o cara aí tá maluco e tá bebendo muito líquido, vamo botar isso tudo pra fora" e o RIM começa a fazer até hora-extra e filtra muito sangue e enche rápido.
Daí vem a primeira corrida ao banheiro. Se você notar, esse 1º xixi é com a cor normal, meio amarelado, porque além de água, vem as impurezas do sangue.

O RIM aliviou a vida do estômago, mas você continua bebendo e o estomago manda outra mensagem pro CÉREBRO:

"Cara, ele não pára, socorro!!!" E o CÉREBRO manda outra mensagem pro RIM: "Véio, estica a baladeira, manda ver aí na filtragem!"
O RIM filtra feito um louco, só que agora o que ele expulsa não é o álcool, ele manda pra bexiga apenas ÁGUA. Por isso que as mijadas seguintes são transparentes, porque é água. E quanto mais você continua bebendo, mas o organismo joga água pra fora e o teor de álcool no organismo aumenta e você fica mais "bunitim".

Chega uma hora que você tá com o teor alcoólico tão alto que teu CÉREBRO desliga você. Essa é a hora que você desmaia... dorme... capota...
Ele faz isso porque pensa: "É, meu, o cara tá a fim de se matar, tá bebendo veneno pro corpo, vou apagar esse doido pra ver se assim ele pára de beber e a gente tenta expulsar esse álcool do corpo dele".
Enquanto você está lá, apagado, o CÉREBRO dá a seguinte ordem pro sangue: "Bicho, apaguei o cara, agora a gente tem que tirar esse veneno do corpo dele. O plano é o seguinte, como a gente está com o nível de água muito baixo, passa em todos os órgãos e tira a água deles e assim a gente consegue jogar esse veneno fora".

O SANGUE é como se fosse o Boy do corpo. E como um bom Boy, ele obedece as ordens direitinho e por isso começa a retirar água de todos os órgãos. Como o CÉREBRO é constituído de 75% de água, ele é o que mais sofre com essa "ordem" e daí vêm as terríveis dores de cabeça da ressaca.

Então, sei que na hora a gente nem pensa nisso, mas quando forem beber, bebam de meia em meia hora um copo d'água, porque na medida que você mija, já repõe a água.
 

Texto retirado de "O bar do Zé". Agradecimentos ao Cido Veríssimo.

Nenhum comentário: