23 janeiro 2006

QUANDO A LUA ADORMECE...


LABUTA

Meus olhos
aram a madrugada
quando a lua
adormece.

Minha boca
semeia sonhos
e colhe murmúrios
de alvorecer.


(Nel Meirelles, no site Fala Poética)
http://www.falapoetica.blogger.com.br)

.

Nenhum comentário: